domingo, 14 de outubro de 2012

Intensivão da Mamãe

Gente, esta difícil viu...Nem tudo são flores em ser mamãe em tempo integral, pelo menos para mim. Quinta-feira passada seria o dia que eu teria que voltar ao trabalho, cara, deu uma tristezinha...Fiquei triste mesmo, não posso negar e continuo meio baqueada.
 
Acho que muito disso é pelo fato de que outra colega do trabalho, da mesma equipe, que teve bebê duas semanas antes de mim e voltou ao trabalho. Fizeram uma surpresa para ela, colocaram bexigas, cartazes de boas vindas e um monte de coisinhas. Doeu...Iceberg de invejinha branca. O bebê dela ficou com a mãe, no caso a avó, que também cuidou da filhinha dela de 4 anos. Talvez deixar com a avó é mais tranquilo, mas eu não tinha essa opção. Minha mãe trabalha e minha sogra cuidará da filhinha da minha cunhada que esta para nascer.
 
Agradeci no meu facebook o carinho que recebi de todos no trabalho na minha despedida e os comentários foram lindos! Chorei tanto que no mesmo dia me deu um dor de cabeça fenomenal.
 
Entro sempre no blog da Raquel www.eudonadecasa.com.br para ver se me motivo um pouquinho com os posts das mulheres que são donas de casa e são felizes
 
Deixo bem claro que a minha bebê magia é um docinho, dorme a noite inteira, mama bem, é risonha, esperta...Por isso acho que estaria sofrendo muito mais a deixando na escolinha tão cedo.
 
É isso aí...Força na peruca, porque preciso estar inteira para cuidar da minha filha, do meu maridon e da minha casa.
 
Larinha no Dias das Crianças - dá para ficar muito tempo triste com essa carinha :)

6 comentários:

  1. Oi karina... essa é uma decisão muito difícil mesmo! Mas lembre-se do que eu te disse uma vez: essa decisão não é uma decisão sem volta! Se vc achar que deve voltar a trabalhar, agora ou quando a Lara estiver maiorzinha, vc tem essa opção. Não vou negar que as vezes eu tenho vontade de voltar a trabalhar fora, ver gente diferente, falar de outras coisas que não seja fralda e tals, mas aí eu vejo o quando a Luisa está feliz e crescendo saudável, vejo o quanto a gente vem descobrindo as coisas juntas, e logo essa vontade passa. Dê tempo ao tempo... OBS: a Lara é linda demais! bjo
    Raquel
    www.eudonadecasa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Rachel!! É isso mesmo vou dar tempo ao tempo, mas cada vez mais tenho certeza que tomei a decisão certa...Eu acho que é isso mesmo que vc escreveu: sinto falta de ver pessoas, conversar...
      Obrigada
      Beijos

      Excluir
  2. Ah, e outra coisa... é diferente mesmo quando vc tem a mãe por perto com quem vc pode deixar seu bebê. Acho que vc sente que seu filho estará mais bem cuidado e amparado emocionalmente do que numa escolinha. Acho judiação deixar um bebê tão novinho numa escolinha, cheio de gente estranha. bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É eu também acho...Escolinha só em última opção.

      Excluir
  3. Uma coisa eu te digo, ninguém é super heroi!! na vida real o bicho pega e se quer ser o melhor na profissão vai ser, mas tem que abrir mao de alguma coisa. Assim é ser mãe, pra cuidar do filho, dar amor, educação tem que se dedicar. Sei muito bem que não é fácil... quem sabe daqui 1 ou 2 anos não aparece algo que te surpreenda, nada é por acaso. Boa sorte, seja feliz, sua filha é lindaaaaa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Cláudia, não dá para ter tudo...

      Obrigada

      Beijos

      Excluir

Pode soltar o verbo...Inconforme-se